top of page

Héstia, a protetora da lareira.


A deusa da lareira. Sua importância é encontrada em rituais simbolizados pelo fogo. Conta o mito que não há lar, nem templo, que seja santificado até que Héstia o adentre. Deusa virgem, ela é capaz de enfocar naquilo que lhe interessa sem ser perturbada pelas necessidades dos outros. Sua atenção está na experiência interior: sente-se, por exemplo, totalmente absorvida quando medita. Héstia é a irmã mais velha e a parceira de Hermes. Ela ministrava o santuário onde as pessoas se uniam em uma família; enquanto Hermes protegia a porta, sendo o guia e seu companheiro no mundo (aquele que sabe se virar e ter boa sorte).


As mulheres regidas por este arquétipo procuram calma e tranquilidade, o que encontram mais facilmente na solitude. Elas buscam centramento interior e conseguem permanecer firmes em meio a confusão, desordem ou afobação do dia a dia. São mulheres que permanecem acima das intrigas e rivalidades e evitam ser apanhadas por paixões momentâneas. Sentem-se completas como são (seu ego não está no jogo). É uma mulher sábia, parecendo uma idosa que viu tudo e passou por tudo com seu espírito não abafado e com seu temperamento moderado. Foram crianças que tentaram não ser notadas e que se isolavam por escolha própria.


Quais dificuldades que o arquétipo pode causar?


Certamente a dificuldade de enfrentar o mundo exterior. Pode ser que a mulher, que se identifique com Héstia, sinta dificuldade em ganhar a vida financeiramente (a menos que exista a presença de outras deusas em si). Mas, de empobrecimento de espírito, ela com certeza não sofre. Pode ser também que sinta dificuldade de dirigir entusiasmo, palavras ou abraços às pessoas que ama.


Como se desenvolver?

Se você percebe que Héstia é sua principal deusa, você possui uma essência feminina, caseira, quieta e que não se afeta. Mas, para viver neste mundo, será preciso desenvolver atitude ou o animus (que é o homem interior a ser invocar quando Héstia precisa ser clara e assertiva). Possivelmente será necessário criar uma persona (uma máscara de adaptação social) e aprender algumas habilidades com Ártemis e Atenas.


Como a cultivar este arquétipo?


Por outro lado, se você estiver desejando a presença de Héstia em sua vida, experimente conquistar e achar um espaço para si mesma. Limpe e organize a casa, sentindo prazer e satisfação em cada atividade. Para Héstia estar presente, a mulher precisa focar em uma tarefa por vez. É preciso se tornar absorvida na tarefa, fazendo cada movimento com serenidade. A meditação também ativa e reforça este arquétipo, uma vez que proporciona um sentimento de inteireza e de centralização.


Que a tranquilidade desta deusa lhe visite e, por aí, faça morada.


Com amor,

Monique


Este texto tem como fonte a obra de Jean Shinoda Bolen, As Deusas e a Mulher.

bottom of page